Empresa

baltazarNos tempos atuais, cada minuto é precioso. As pessoas vivem, muitas vezes, em função do ponteiro que marcam os relógios. No entanto, algumas veem os relógios além do ponteiro das horas; admiram-os como um objeto especial que contam uma época. E é para esse grupo que o relojoeiro Baltazar Joaquim de Paula, 71 anos, dedica o seu tempo.

Trabalhando há 42 anos em um ofício quase em extinção, o mineiro Baltazar começou a entender da arte de consertar relógios com o seu amigo Valdemar , que juntos abriram em agosto de 1971 o Centro de Relógios Antigos, localizado no Bexiga, centro de São Paulo. Por um infortúnio do destino, o relojoeiro Valdemar faleceu e, até hoje, Baltazar continua executando com grande dedicação este trabalho artesanal, digno de artistas.

O Centro de Relógios Antigos conta com a tradição de quatro décadas no conserto de relógios antigos e mantém a mesma capacidade na dedicação, qualidade e inovação, visto que com o passar dos anos, as necessidades dos clientes foram se modificando.

Pensando nos clientes especiais, o Centro de Relógios Antigos reformulou o site colocando dicas e histórias desses 42 anos de comércio.